terça-feira, 30 de agosto de 2011

Uma tentativa: conserva agredoce de chuchu!


Olá! 

Óntem fiz uma experiência que já estava querendo fazer a muito tempo. O líquido dessa conserva já usei com abobrinhas e agora foi a vez de experimentar com o chuchu.

O resultado com a abobrinha é maravilhoso. Vem tudo na língua: o doce, o azedo, o picante e bem levemente o salgado. Este último ainda se nota, pois antes de tudo, a abobrinha e a cebola tem que  marcerar durante uma noite no sal.

Com o chuchu resolvi fazer diferente, até mesmo por causa da sua consistência. Também resolvi fazer duas versões. Um vidro com o chuchu cortado em tirinhas e o outro cortado em bandas.

 
Não sei como ficará o resultado final dessa conserva feita com o chuchu. Só daqui a um mês para saber. Esse é o tempo mínimo de conservação antes do consumo :( Passo mesmo assim a receita, vai que dá certo ;)

Mas não se preocupem, na hora certa vocês ficaram sabendo. Se ficar bom, já tenho até duas super idéias para utilizá-la. 


Conserva agredoce de chuchu
Quantidades para um vidro grande com capacidade de 1 ½ l

1500g de chuchu
1 cebola pequena (+- 50g) cortada em tirinhas de 0,5 cm de grossura
600ml de água
600ml de vinagre,
eu usei três tipos, o de vinho branco (240ml), maçã (240ml) e álcool (120ml)
400g de açúcar cristal
2 ou 3 col. sopa de curry em pó (16g a 24g)
1 col. chá de pimenta do reino moída na hora (2g)
1 col. chá de sal

Obs.: use sempre utensílios de metal ou vidro, pois o curry colori e o amarelo não sai!!!

Lavar e descascar o chuchu. Corte em duas partes (bandas) e retire o centro branco. Reserve.

Em uma panela grande ferva água em abundância para esterializar os vidros (ou o vidro) de conserva.  

Em uma outra panela, coloque o açúcar, a água, o vinagre, o curry a pimenta e o sal e leve para ferver. 

 
Se for cortar o chuchu em tinrinhas:

Assim que começar a esquentar o líquido da conserva, junte o chuchu e deixe cozinhando por 5 minutos com a tampa fechada. Use o fogo médio! 

Enquanto isso coloque água fervente no vidro (e tampa!) da conserva e deixe por uns dez minutos esterializando!

Depois apague o fogo e deixe o chuchu repousar dentro da panela tampada, por mais 5 minutos. Passado esse tempo, retire as tirinhas de chuchu da panela e coloque em um prato limpo. Retire do vidro de conserva a água quente (reserve) e acomode as tirinhas de chuchu intercalando com a cebola.

Você poderá encher mais o vidro com chuchu e cebola, consequentimente precisará de menos líquido de conserva!

Se for cortar o chuchu em duas partes (ou bandas):

A única diferença para o chuchu cortado em tirinhas, é que como o pedaço do chuchu é maior, cozinhei mais tempo antes retirar da panela e colocar no vidro. Cerca de 15 minutos cozinhado (fogo médio) e mais 15 minutos descansando no líquido quente dentro da panela tampada.

E a cebola foi colocada no momento em que desliguei o fogo e comecei a deixar o chuchu descansando  no líquido quente.

Coloque as bandas de chuchu e a cebola no vidro já esteralizado e siga o que vem abaixo.


Para ambos:

Depois ferva o liquído da conserva e despeje ainda bem quente dentro do vidro com as tirinhas ou as bandas de chuchu. Encha o vidro com o líquido da conserva, até quase a boca. Feche da mareira que o fabricante do vidro indica.

Assim não,
assim!
O meu vidro tem uma "rolha de borracha" que eu posso colocar antes de fechar e assim vedará o vidro!

Ferva mais água (ou use a que foi utilizada para esterializar os vidros) em uma panela que acomode o vidro quase por inteiro. Quando começar a aparecer bolhas no fundo da panela, desligue o fogo. Coloque o vidro com tirinhas de chuchu por dez minutos e o com as bandas de chuchu por vinte minutos dentro dessa água quente. 

Depois desse tempo, é só retirar os vidros da água e deixar esfriar por completo em cima da mesa (ou onde preferir) antes de guardar no armário. Deixe esfriar lentemente!

Não se preocupem se os pedaços de chuchu ficarem em cima, quando quente. Ao esfriar eles descem e ficam no meio do vidro ;)

O curry vai acentar no fundo do vidro. Dê sempre uma chaqualhadinha para que ele se espalhe e renove o sabor!!

Não posso me esquecer de estar sempre olhando para ver se está tudo bem como minhas novas conservas :)

Entiquete e deixe conservando, no mínimo, durante um mês antes do uso!!! Se preferir, use vidros menores. Você também pode cortar o chuchu em cubos irregulares e fazer da mesma maneira que os cortados em tirinhas ;)

Se quiserem ver mais fotos, vão lá no flickr. Esse post rendeu muitas fotos, mas não pudia colocar tudo aqui, se não teriamos um post quilomêtrico hihi!

Um abraço


15 comentários:

  1. Nossa, super diferente! Depois conte como ficou... Beijão, Cecilia

    ResponderExcluir
  2. Queila amiga, combinamos mesmo! Fiquei curiosa com o resultado e com as tais aplicações, vou acompanhar de perto. Por uma questão visual gostei mais da versão em tirinhas...vamos aguardar. Está super bem explicada a receita, gostei muito.
    bjocas

    ResponderExcluir
  3. Olá!
    Olha, fiquei curiosa com o que escreveu sobre o líquido...e os sabores =)
    E como gosto bastante de chuchu, com certeza vou gostar da sua receita. Os vidros ficaram lindos, viu?!
    Um bejim grande

    ResponderExcluir
  4. Olha, eu nunca tinha visto conserva de chuchu antes! Fiquei curiosa para saber se dará certo!!Não esquece de contar!

    bjs,
    http://tudojuntoemisturado-lala.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Oi Cecília! Realmente, com o chuchu deve ficar super diferente :) Pode deixar que eu conto ;)
    Um beijo

    Sandra amiga, viu que estamos em sintônia!
    Daqui a um mês iremos todos saber o resultado... vamos aguardar! Estou super anciosa, mas enquanto isso, vou fazendo mais algumas gostosuras por aqui.
    Fiz questão de explicar bem a receita, pois nem todo mundo tem costume de fazer conservas todos os dias, como eu :s
    Um beijão

    Oi Amehlia! Adoro quando você vem me visitar :) :) Se ficar bom, acho que concerteza você irá gostar da receita ;)
    Um bejim

    Oi Lala! Pois é menina, eu também não hihi! Pode deixar que não vou esquecer de contar não ;)
    Um abraço

    ResponderExcluir
  6. Queila, adorei essa conserva! O chuchu vive tão esquecidinho, que só uma receita assim para levantá-lo! rs
    Agora e aguardar os 30 dias, né?
    beijoss

    ResponderExcluir
  7. Oi Bruna! Pois é menina, o chuchu não deveria está tão esquecido assim. Encaro ele sempre como uma verdura base. Não tem muito sabor, segundo algumas pessoas (eu não penso assim!).
    Vamos aguardar... todos juntos!
    Um beijo

    ResponderExcluir
  8. Criatividade, viu? espero os resultados.. bjs
    Ivaneide
    Ivaneidepassos.blospot.com - De Comer

    ResponderExcluir
  9. Oi Ivaneide! Obrigada, vamos esperar ;) Um abraço

    ResponderExcluir
  10. Oi Queila,
    Essa eu não conhecia. Aqui em casa sempre tem chuchu,pois meu marido tem pressão alta e aconselharam comer chucu.Ele já tomou até caldo de chuchu!
    Mas essa conserva..
    Depois me conta se ficou boa.
    Parabéns pelo post, como sempre no capricho.
    Bj,
    Lylia

    ResponderExcluir
  11. Queila,
    Adorei essa forma de conserva, bem profissional. Eu me lembro de ver meu avo fazendo conservas de cebola, cenoura e pepino em casa, completamente diferente rsss acho que no jeitinho dele, fica..digamos..bem acido rsss
    Eu ja estou louca pra sair e comprar um vidros e fazer a conserva, mas com abobrinha, ja que Chuchu por aqui eu nunca vi. como eu devo fazer? Da mesma forma que o chuchu mas uso a abobrinha? E se eu quiser acrecentar cenouras, voce ja tentou? O processo eh o mesmo? Bom vou me arriscar :D
    Queila, tambem mandei um e-mail pra voce hoje.
    Beijos
    Paty

    ResponderExcluir
  12. Queila que ideia legal!! Confesso que não sou muito fã de chuchu mas ficou linda sua conserva !!:) Depois quero saber o resultado!! Beijos Tereza

    ResponderExcluir
  13. Oi Lylia! Pois eu também não conhecia :) Não sabia que chuchu servia para controlar a pressão! Pode deixar que eu conto ;)
    Obrigada pelo carinho :)
    Um abraço

    Oi Paty :)
    Apesar de morar no brasil, acho conservas uma coisa muito legal ;) Com certeza essa ficará ácida, mas também doce... tô curiosa :s
    Vou te passar a receita que eu tenho da conserva de abobrinha. Não sei se pode usar esse líquido para conserva de cenoura, tenti aí! Se ficar bom me diz tá ;)
    Obrigada pelo e-mail, já li hihi
    Um beijão

    Oi Tereza! Obrigada... espero que fique boa também :) Claro que eu te conto o resultado!
    Um beijão

    ResponderExcluir
  14. Olá, muito interessante a receita, gostei e vou tentar. Onde posso encontrar esses vidros com a rolha de borracha?

    ResponderExcluir
  15. Ahhh a conserva...
    Ainda tenho os potes guardados junto com a receita impressa... a vida da gte da tantas voltas.. Mas ainda vou fazer, ah se vou!

    ResponderExcluir

Adoro receber comentários! Sinta-se à vontade :) a cozinha é nossa!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...