sexta-feira, 30 de setembro de 2011

Carpaccio de conserva agredoce de chuchu, com salada e tilápia


Nossa que esse título tá parecendo nome de gente importante... longo que só ele :)

É com muito prazer que digo, que a conserva agredoce de chuchu, na versão em bandas, deu certo. Super certo, uuuhhhuuuu!


Nem preciso dizer que fiquei muito contente com isso, pois para min, além de ter "talvez" criado algo novo, existe agora uma nova possibilidade para o chuchu.

O sabor de vinagre, açúcar e Curry é bastante intenso e o ponto de cozimento está perfeito. A textura é bem crocante, mas não crua. É aquilo que os italianos chamam de Al dente ;)

Essa versão da conserva fiz juntamente pensando em um carpaccio combinado com alguma coisa gostosa, mas simples, pois sabia que o sabor final da conserva provavelmente séria intenso.

Não aconselho comer assim puro, pelo menos nessa versão não! Irei colocar minha cabecinha para funcionar e talvez criar mais uma versão de carpaccio para o uso dessa versão da conserva.

Por enquanto, lhes ofereço essas duas humildes possibilidades.

 

Carpaccio de conserva agredoce de chuchcu, com salada e tilápia
Uma banda de chuchu rende 4 porções de carpaccio para uma entradinha

1 banda de chuchu em conserva
4 tomates cereja, cortados em seis cada
16 folhinhas de salsa
Mix de folhas de salada

4 filés de tilápia com pele
1 col. sopa de manteiga,
eu usei sem sal
3 col. sopa de azeite de oliva
Sal, pimenta do reino moida na hora e sumo de limão para temperar o peixe


Com calma, corte a banda do chuchu em fatias bem fininhas (use uma faca comprida e afiada). Transponha sobre um prato plano arrumando com jeitinho para que não fique muito espaço entre uma fatia e outra. Você poderá fazer isso, cobrir com flime de PVC e conservar na geladeira até antes de servir! Retire com antecedência para não ficar muito gelado ;)


Tempere os filés de tilápia com sal e pimenta e friti-os em uma frigideira com a manteiga e o azeite até ficarem levemente dourados. Comece pelo lado da pele. Quando estiver esbranquiçado nas bordas, vire o peixe e deixe somente mais uns minutinhos. Coisa de dois minutos. Use sempre fogo médio.

Retire o peixe da frigideira, coloque em cima de um prato e deixe amornar antes de usar. Tempere com o sumo do limão. Enquanto isso faça o molho para a salada.

Preparei um molhinho para a salada com: pimenta do reino moída na hora, sal, vinagre, azeite de oliva extra virgem, molho shoyu, sumo de limão, salsinha bem picadinha e mostarda com grãos. Como medi tudo no olho, não deu para passar as quantidades :s Não tem segredo, é só fazer uma emulsão com a pimenta, o sal, o vinagre e o azeite. Quando estiver consistente, é só acrescentar o restante dos ingredientes e misturar.


Agora arrume a salada sobre o carpaccio. Faça com jeitinho para ficar bem bonitinho e também não cobrir totalmente o carpaccio. Distribua o tomate cereja, os raminhos de salsa entre a salada e por fim, espalhe o molho sobre a mesma. Se quiser, pode temperar a salada separadamente em um bowl e depois colocar em cima do carpaccio. Arrume o filé de tilápia em cima, no centro, da salada e sirva.

Ficou muito bom o sabor de todo o conjunto. Se você não gosta de algo doce dentro da "comida", então não irá apreciar esse prato. Como havia dito no começo, o sabor do açúcar é de se notar! Mas como o carpaccio é bem fininho, o sabor adocicado aparece meio que temperando e interagindo com os outros componentes do prato.

Essa é a segunda versão para o uso da conserva. Finger Food! Fiz três versões em ordens diferentes. Isso ficou muito bom! Sem falsa modestia, ficou bom mesmo. De uma vez só, vem todos os sabores na língua =)

O Carpaccio está arrodeando a salada, ficou um pouco escondido, mas tá aí. Eu juro!

Espero que tenham gostado. Em breve trarei a outra versão, em tirinhas, da conserva agradoce de chuchu combinado com algo gostoso :)

Um abraço gente e bom final de semana :)

terça-feira, 27 de setembro de 2011

Müesli para o café da manhã

 

Não, eu não acordei tão cedo assim hoje! Só eram 6:29 da manhã e mesmo assim foi meu filhote quem me acordou e depois dormiu de novo. Eu fiquei lá acorda!

Resolvi tomar um café da manhã bem saudável, nutritivo e bem gostoso. Juntei algumas coisinhas que tinha em casa e deu nesse müesli super simples, mais de muita capacidade. Após meia hora de relógio eu sentia que podia fazer tudo que viesse pela frente hehe! Depois de uma segunda feira meio sem vontade...

Esse meu filho é uma espécie de vidente esperto, na hora que o müesli estava pronto ele, que já tinha acordado, disse: quer, quer... me acordou para que fizesse esse café da manhã, pode?!!

Hoje a receita, que não é bem uma receita, vai ser passada no passo a passo com fotos legendadas e na legenda consta a mesma ;)

Müesli
Para uma porção

Duas ameixas secas sem caroço cortadas
Dois damascos secos cortados

Uma colher de café cheia de gergelim branco

Uma colher de sopa cheia de granola

Quatro colheres de sopa de iogurte natural sem açúcar

Mamão cortado em cubinhos

Assim ficará o visual quando o mamão entrar na estória, digo, taça!

Adicionar mais uma col. sopa de iogurte, colocar um pouco de gergelim e mel por cima

Por fim decore com lascas de castanha do pará ou o que preferir

Gostaram? Ficou muito bom, meu filho que o diga. Comeu quase tudo sozinho =) Na verdade nós dividimos :)

Brecha para as avós:

O mês de setembro é o mês de minhas avós. A minha avó Lourdes (a mãe de minha mãe) completou mais uma primavera no dia 17, ela fez 79,  mas não fiz nada de especial, pois no dia anterior estava completamente esquecida e depois que lembrei não deu tempo de preparar nada, só de comprar alguma coisa :s

Hoje, dia 27, é a vez de minha avó Alzira, completar mais uma primavera. Ela faz 76 e o filho dela (meu pai) encomendou uma torta comigo. Eu confesso que não estava com muita coragem para fazer nada, mas para meus pais não gosto de negar nada. 

Ontém pela manhã fiz o bolo, que não cresceu como deveria. Esperei ele ficar frio para corta-lo e ver se ficou bom (às vezes acontece isso quando agente tá meio sem vontade :s). Ficou bem fofo, só não cresceu direito. Então continuei e continuei e o resultado foi essa torta linda (modeste a parte) que não resistir em mostrar para vocês. Até que ficou bonita, vocês não acham?

Um grande beijo para minhas avós lindas e muita saúde para elas :) e um abraço bem carinhoso para vocês :)




sexta-feira, 23 de setembro de 2011

Saladinha de Couscous e viva a primavera!


Olá!

Gente, eu precisei ser lembrada por minhas amigas Lylia e Sandra que hoje é o início da estação mais colorida, perfumada, alegre e tudo de bom do ano, a primavera :)

E em homenagem a essa estação tudo de bom do ano é que fiz essa saladinha colorida e bem gostosa.

Depois da degustação de macarons, nada melhor que uma saladinha para controlar os ânimos calóricos e revigorar o espirito depois do inverno. Se bem que aqui em Salvador acho que essa estação inverno meio que não existe.

Bem! De qualquer forma acho que todos nós diveriamos comemorar a chegada da primavera. Linda e colorida que só ela :)


Saladinha de Couscous
Rende 4 porções como acompanhamento e 8 como uma entradinha

150g de couscous marroquino, preparado do jeito que você preferir
1 cenoura média cozida e cortada do tamanho de sua preferência
100g de ervilhas congeladas, banhadas rapidamente em água quente
15 vagens cozidas cortadinhas do tamanho de sua preferência
1 tomate grande cortado em cubos
1 col. sopa de cebola roxa bem cortadinha
Tomate cereja e filetes de cebola roxa para decorar

Em uma saladeira prepare um molho para salada de sua preferência. Eu fiz com sal, pimenta do reino moída na hora, sumo de limão, azeite de oliva extra virgem, um pouco de caldo de legumes e salsinha e cebolinha desidratada. Foi meio de olho a messagem dos ingredientes, por isso não passei as medidas =)


Comece colocando a cebola roxa, depois o tomate, dê uma misturada e acrescente a cenoura, a ervilha e a vagem. Misture de novo.

 

Por fim junte o couscous já frio e misture até que estaja tudo bem mesclado. Sirva logo em seguida. Se você for deixar na geladeira antes de servir, então faça o molho da salada separado e adicione somente antes de servir. Eu já percebi que o couscous marroquino, depois de alguns minutos, absorve todo o sabor do molho e a salada (em um todo) acaba ficando um tanto quanto insossa! Essa é minha experiência, vocês fazem como preferir tá ;)

Decorei com um tomate cereja contado em três e filetes de cebola roxa. O toque final veio por conta do azeite de oliva, regado um pouco antes de servir, mas isso é opcional.


Uma explicadinha rápida de como preparei o couscous. Pesei a quantidade desejada, nessa quantidade adicionei sal e misturei. Depois reguei com um fio grosso de azeite de oliva e misturei bem para que cada grão ficasse coberto com o mesmo. Coloquei água para esquentar e quando começou a aparecerem aquelas bolhinhas no fundo, desliguei o fogo. Cortei um pedaço de filme de PVC. Joguei a água quente (quantidade que ficasse 0,5 cm acima do nível do couscous) em cima do couscous, dei uma mexidinha rápida com uma colher e cobri o bowl com o filme de PVC. Esperei esfriar, esfarelhei com um garfo e usei na salada. Você pode substituir a água por caldo de legumes também ;)

Bom é isso! Seja bem vinda primavera :)

Um abraço

quinta-feira, 22 de setembro de 2011

Um presente da Mon Macarron

 
 

Olá!

Ontém a tarde chegou em minha porta, trazido por duas simpáticas mulheres, um presente delicioso. Uma caixinha com seis macarons tamanho grande (5,5 cm de diâmetro).

Essas duas simpáticas mulheres, chamam-se Débora e Liana e a "fábrica" dos doces encantos chama-se Mon Macaron (elas já estiveram até no curso da Divas chocolates;). Ao entregar a caixa, vejam que cuidado e atenção, a Débora me deu todas as instruções de quando seria melhor comer os fofinhos. Como estavam sob refrigeração, seria indicado esperar que ficassem na temperatura ambiente.

Minha caixinha veio recheada com três sabores: chocolate meio amargo, morango e Fruit de Passion (uma espécie de maracujá). Assim que abri a caixa meus olhos brilharam e minha boca começou a salivar.

Antes que a luz do dia acabasse, fui depressa tirar fotos e depois come um de cada, mas ainda não estavam na temperatura certa. Sai e quando voltei fui direto para a cozinha e comi os outros três e estavam simplesmente no ponto. Ainda fiquei perguntando ao meu marido (dóida para que ele dissesse não :s) se ele iria querer algum e a resposta foi não :) :) :)

Débora e Liana, gostaria de agradecer mais uma vez pelo lindo e doce presente que vocês me trouxeram. Venho acompanhando a um tempinho o trabalho de vocês pelo blog e sei que vocês duas fazem esse doce com muita competência e amor. Desejo para o futuro muita sorte e sucesso!

Gostaram de meu presente? Puxa :( pena que acabou! Mas em breve encomendarei alguns para matar a saudade =) Sim, sim, elas aceitam encomendas. Estão pensando o quê? E não é somente os macarons que elas fazem. Tem mais coisas gostosas no leque da Mon Macaron ;)

Deliciem-se com mais fotos :) Um abraço =)



terça-feira, 20 de setembro de 2011

Pasta para o marido!


Olá gente!

Meu marido tem uma maneira bem sutil (para não dizer engraçada) de pedir as coisas. Isso é com todo mundo :) Quando ele quer pedir para eu cozinhar algo para ele, ele faz assim: compra o ingrediente principal e deixa o resto por minha conta (às vezes ele dá uma sugestão também ;) 

Nesse fim de semana ele foi fazer compras e me chegou com três pacotes de Pasta artesanal. Pereciam bastante boas, mas se não fosse o detalhe que eram de ovos, eu até teria me animado mais. Eu prefiro as Pastas de grano duro!

Bom! Fiz um molho bem básico com molho de tomate pronto, tomate fresco, berinjela, alho e cebola. Coloquei água para ferver e fui seguindo com meu plano. O resultado final me trouxe uma deliciosa surpresa, a Pasta era sim bem gostosa. Ainda bem!

Agora tem um pacotinho de 500g de mandioquinha na geladeira, que ele comprou...


Espaguete caseiro (título da massa na embalagem)
Rende 2 porções e meia (meia é para o filhote)

250g de pasta
3 col.sopa de azeite de oliva
1 dente de alho picado
1 cebola bem pequena
picada, rende 2 col. de sopa rasa
1 berinjela média cortada em cubos de 1 cm2 (220g já cortada)
2 tomates pequenos cortados em cubos, com semente e tudo
250g de molho de tomate pronto, eu usei o Pomarola natural clássico
70ml de água
Temperos, ervas, sal e pimenta do reino moída na hora à gosto
Queijo parmesão ralado na hora para servir

Coloque pra cada 100g de massa 1 litro de água para ferver. Quando começar a formar bolhinhas no fundo da panela, adicione sal e deixe voltar a ferver. 


Uma super dica para quem gosta de cozinhar com menos gordura. A berinjela tende a sugar muita gordura quando preparada em frigideira. Você pode mudar isso fazendo o seguinte: Esquente água com sal o suficiente para cobrir a quantidade de berinjela usada na receita. Coloque a berinjela cortada em um recipiente e cubra-a com a água quente. Dê uma mexidinha e coe. Deixe esfriar um pouco antes de usar. Além de não sugar mais tanta gordura ela ainda ficará Al dente em sua preparação ;)


Em uma panela ou frigideira quente, coloque o azeite de oliva e deixe aquecer. Junte a cebola e deixe refogar um pouco (até que fique meio trasparente), agora adicione o alho e refogue até que seu aroma suba ao seu nariz (isso é bem rápido).

Acrescente a berinjela e deixe refogar bem rapidinho. Agora junte o tomate e mexa para mistura tudo. Por fim coloque o molho pronto, o sal, a água e os temperos desejado, mexa, tampe a panela e deixe o molho ferver por cinco minutos em fogo médio.

Desligue o fogo. Agora é a hora de acrescentar ervas e a pimenta do reino moída na hora. Após isso deixe tampado até a hora de servir.

Agora é a hora de colocar a Pasta na água fervente para cozinha.  Sirva da maneira que achar melhor. Misturando o molho com a Pasta ou dispondo a mesma num prato fundo e colocando o molho por cima. Rale queijo parmesão por cima e sirva rapidamente.

Comida rápida, simples e com um sabor delicioso e sem carne :) Espero que tenham gostado!

Um abraço


quinta-feira, 15 de setembro de 2011

Semifreddo de mel com amêndoas


Olá minha gente :)

Essa sobremesa teria sido servida aos meus queridos amigos que foram convidados para comer esse menu, mas estávamos todos tão satisfeitos que deixamos para uma próxima vez.

Bom! Meu marido foi o felizardo. Das dez porções que a receita rendeu ele comeu 8, hihi! Mas é que ele adoooora sorvetes e semifreddos (ou conhecido também como Parfait). Imaginem vocês que o pai dele era sorveteiro... explicado!

Pois então! Essa receita foi uma adaptação do Semifreddo de mel desse livro aqui! Só que ainda tinha amêndoas em casa e resolvi adicioná-las à preparação. Com uma parte fiz um “leite” de amêndoas e a outra fiz um crocante.

Ficou com uma textura muito leve e ao derreter na boca tinha aquela areinha de amêndoas vinda do leite que preparei com a mesma... juntou a ganache, huuummmm!


Semifreddo de mel com amêndoas
Rende 10 porções 

Leite de amêndoas
Rende 112g


150ml de leite integral
40g de amêndoas

Toste as amêndoas em uma frigideira sem óleo até que fiquem douradas. Enquanto isso coloque em uma panelinha o leite para esquentar. Quando as amêndoas estiverem douradas, junte-as ao leite já quente, desligue o fogo e tampe a panelinha. Deixe até amornar.


Bata tudo no liquidificador ou mixer até que as amêndoas tenham desmanchado. Coe passando uma colher para retirar todo o líquido, não se preocupe se um pouco da amêndoa triturada passar para o leite. Reserve o leite de amêndoas para o usar no Semifreddo. Use frio!

Crocante
Rende 147g


85g de açúcar
65g de amêndoas laminadas
75ml de água

Com o açúcar e a água faça um caramelo claro. Junte as amêndoas laminadas e mexa imediatamente para que tudo esteja envolto pelo caramelo. Despeje a mistura ainda bem quente sobre um Silpat, folha de teflon ou em cima de uma assadeira untada com manteiga sem sal. 

Vejam como o crocante solta facilmente do Silpat!

Espere esfriar totalmente e só então quebre a barra de crocante com a ajuda de uma faca ou martelo. Pode quebrar a barra de crocante com um mixer, mas tome cuidado para não virar uma farinha. É interessante mastigar cada pedacinho do crocante no momento de degustar a sobremesa! Reserve em local fresco.


Semifreddo
Rende 10 porções


5 gemas
30 ml de rum, se não tiver use água mesmo
30g de açúcar de confeiteiro sem amido
70g de mel
112g de leite de amêndoas
147g de crocante de amêndoas quebrado bem pequeno
300g de creme de leite fresco
batido em ponto de chantilly, nem tão duro, mas também não tão mole

Prepare um banho maria (quente) e outro banho maria invertido, com água gelada e gelo.

Num bowl que suporte calor coloque as gemas, o rum e o açúcar de confeiteiro e misture. Leve a mistura ao banho maria para cozinhar e com um batedor de arame vá batendo até que se forme um creme consistente e meio esbranquiçado. Adicione o mel e bata vigorosamente para misturar.

Agora leve o creme ao banho maria invertido para resfriar. Retire o bowl do banho maria invertido e adicione o leite de amêndoas. Misture delicadamente para não perder o ar que se formou na massa.

Acrescente o crocante distribuindo por cima do creme e não mexa. Deixe ele flutuando em cima da massa. Não se preocupe, pois quando você for porcionar a sobremesa, o crocante vai afundado. Eu coloquei o crocante em três etapas ou seja não coloque tudo de vez. Fui colocando e a medida que achava que já não tinha muito, adicionava mais.

Agora é hora de porcionar. Eu usei dois tipos e tamanhos de forminhas de alumínio e com a ajuda de uma concha pequena fui enchendo cada uma até mais ou menos a boca. Ficou 5mm abaixo da boca da forminha. Leve todas as porções bem cobertas com filme de PVC ao freezer, para congelar, por no mínimo 8 horas.  


Para servir basta aquecer água em uma panelinha, mergulhar a forminha dentro e esperar coisa de 3 segundos e a lateral da sobremesa já estará derretida. Passe uma faquinha nas laterais e vire o Semifreddo em cima de um prato ou potinho de sobremesas. 

Sirva com o acompanhamento que quiser. Eu servir com um pouco de ganache de chocolate meio amargo. Aqueci 60g de creme de leite fresco com 60g de chocolate meio amargo e usei ainda morno.

Gostaram? Espero que sim :)

Um abraço


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...