terça-feira, 7 de fevereiro de 2012

4 variações de Sablés

Fala-se Sablê, pois o S do final é mudo!

Esses biscoitinhos são simplesmente incrivelmente deliciosos :P Aqui em casa eles não duraram muito tempo não :o

Dessa vez resolvi mudar geral e variar de vez. Fiz os danados em quatro variações, figo, coco, castanha do Brasil/Pará e especiarias. 

Uma advertência: não se deixem enganar, esses biscoitinhos rendem bastante. Redeu até para dar de presente :) Somando todos os sabores, foram 124 unidades :D


Sablés (massa base)
Rende 785g de massa 

262g de manteiga sem sal em temperatura ambiente
125g de açúcar
1 col. chá de essência de baunilha ou açúcar de baunilha
1 pitada de sal
1 ½ col. sopa (aprox. 23ml) de leite integral
375g de farinha de trigo sem fermento

Em um bowl bater a manteiga até que fique em ponto de picos. Não leva muito tempo!

Juntar a essa manteiga batida, o açúcar, a essência ou açúcar de baunilha, o sal e o leite e bater vigorosamente até que fique uma massa fofa e esbranquiçada. Foi tudo no braço mesmo, sem batedeira!

Agora acrescente a farinha de uma só vez e bata somente até que a mesma agregue-se à massa. Isso é jogo rápido tá! Não é para ficar batendo e batendo ;)




Bom! Com a ajuda de uma balança digital eu dividi essa massa em quatro partes quase iguais de 195 -196g. Cada parte em seu devido bowl ;)

Daí fui colocando os sabores:

 
30g de mini figo seco picado, para o sablés de figo (rendeu 32 unidades)

 
 30g de coco seco ralado + 1 col. chá de leite de coco (pode ser leite de vaca também), para o sablés de coco (31 unid.)

 
30g de castanha do Brasil/Pará picada, para o sablés de castanha (33 unid.)

 

 
  Um pouco de pimenta do reino moída na hora (digamos  4 giradas no moedor) + 4 raspadas de noz moscada + 6 gotas de colorante de caramelo, para o sablés de especiarias (28 unid.)

Na variação de especiarias não quis abusar nada em variedades, mas depois pensei que poderia ter colocado uma pitada de canela =) Fica para a próxima ;)

Agora misture cada ingrediente à sua parte da massa base. Novamente não misture muito tá ;)

Estenda um pedaço de filme de PVC e coloque a massa no sentido horizontal do filme. Atente que será melhor para enrolar a massa no filme se você já colocar de uma maneira bem distribuída, no sentido horizontal também.


Agora é só enrolar o filme na massa, fazer um rolo de 3 a 4 cm Ø e levar para gelar até que a massa se firme a ponto de corte. Tome cuidado para não deixar muito tempo na geladeira, pois a massa tende a ficar quebradiça e na hora de cortar será um horror :s

Corte o rolo de massa já firme em rodelas de no máximo 5mm de espessura e disponha sobre uma assadeira ou com ou sem silpat (ou folha anti-aderente) com uma distância de no mínimo 1,5 cm. 



Se você achar que a massa ficou um pouco mole depois de ter cortado as rodelas e ter colocado sobre a assadeira, então coloque a assadeira na geladeira até que a massa volte a ficar firme de novo e depois leve direto para assar ;)

Asse em forno pré aquecido a 200°C de 10 a 12 minutinhos (vai de forno ;). Eu assei um pouquinho mais!

Deixe esfriar em cima de uma grade. Consumir totalmente frio (se você conseguir :o)! 

Bom, espero que tenham gostado dos meus sablés :)

Um forte abraço





13 comentários:

  1. Fiquei de olho no de castanha do Brasil e o de especiarias! Muito bom!

    Adoro receitas que agradamos aos de casa e aos amigos em forma de presente.

    Beijo!

    ResponderExcluir
  2. Hummmmmm, adorei e já copiei, vou fazer aqui e depois te conto, ok?!
    Bjuss!!!

    ResponderExcluir
  3. Queila, amei seu post! Uma senhora aula pra nenhum chef famoso botar defeito. Os sablés estão lindos e devem ter ficado maravilhosos. Sortudos os presenteados, hein!
    Bjjsss

    ResponderExcluir
  4. Que lindos, Queila! Não dá nem pra escolher qual deles deu mais água na boca... Adorei!
    Quanto ao nome, se pronuncia sablê, pois o acento agudo tem som fechado no francês... Já a crase, faz o som aberto das vogais pra eles... Tudo ao contrário! rsrsrs
    Beijinhos e parabéns!!!

    ResponderExcluir
  5. Queila
    Como sempre você arrasaaaa
    Queria experime tar todas, não as 124... Umas 10 de cada já dava pra experimentar bem rsssss
    Beijos
    Paty

    ResponderExcluir
  6. Queila querida,
    que bom vê-la de volta oom suas delícias. Não nos deixe tanto tempo..!
    Bj,
    Lylia

    ResponderExcluir
  7. Adorei, vou fazer nesse fim de semana!
    =)

    ResponderExcluir
  8. O toque de canela deve ficar bárbaro junto com pimenta e noz-moscada!
    Bjs.

    ResponderExcluir
  9. Que delícia Queila!
    Olha, não me importo de receber aquele saquinho para presente não viu?? rsrs...
    Ótimo post, muito explicativo como sempre :)
    Bjos
    Tania

    ResponderExcluir
  10. Muito boa receita! Vou testar já.... Obrigada!

    ResponderExcluir
  11. Que maravilha, Queila! Ótima receita com as fotos perfeitas paso a paso! Simplesmente fantástico e muito interessante! Muito obrigada, querida!
    Um abraço forte! =)

    ResponderExcluir
  12. Fantástico paso a paso para no perderse ningún detalle. Me encanta!!!!. Besos

    ResponderExcluir

Adoro receber comentários! Sinta-se à vontade :) a cozinha é nossa!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...