Pavê brulé com doce de jambo




Como alguns já devem saber, pois leram em meu mural no Facebook, o meu atelier Doce Melange encerrou suas atividades.

Por isso o meu sumiço repentino. Desde que a decisão foi tomada, começou uma série de trabalhos de encerramento em vários âmbitos.

No momento tenho bastante coisa para organizar, inclusive minha mudança de país. Em Julho estaremos nos mudando para a Suíça e por estar tão perto, o trabalho fica muito intenso.

Embora eu tenho que confessar, o trabalho físico nem me preocupa ou me deixa cansada, o que me deixa cansada é o trabalho mental, pois minha cabeça está a mil por hora.

São muitas coisas a se pensar ao mesmo tempo. Coisas práticas e sentimentais. O que mais me deixa ocupada é o pensamento do afastamento. O término do atelier já está resolvido em minha cabeça e grande parte e processo de fechamento está até se dando com muita facilidade e rapidez. 

O afastamento da família, de Salvador e das coisas boas daqui, dos amigos queridos e tudo isso por um tempo que posso dizer que é daqui pra frente, é que está me consumindo.
  
O lado bom é que sou retada (como diz minha mãe) e não vou descansar enquanto não consegui o que busco, meu sucesso profissional. Nem se preocupem que eu continuarei postando delícias aqui no blog e ficarei em contato com vocês :)

Quero agradecer imensamente por todos os comentários maravilhosos que recebi no Facebook e dizer que me deram muita energia mesmo.

Peço desculpas pelo texto meio triste e pesado de hoje, mas é que na vida nem tudo são flores e acho que devo compartilhar isso também.

Apesar de na vida nem tudo ser flores, posso afirmar que em minha cabeça quase tudo é doce e é com prazer que deixo essa receita deliciosa, cremosa, frutada e crocante para vocês.

Não sei porque, mas quis batizar de pavê brulé! Fico devendo o biscoito na receita ;) Fiquem à vontade para acrescentar!


Pavê brulé com doce de jambo
Rende 6 porções

Doce de jambo
Rende aprox. 400g 


370g de jambos cortados, já limpos!
185g de açúcal cristal


Em uma vasilha ou bowl de plástico ou vidro, misture o jambo já cortado com o açúcar e deixe reservado e tampado por 10 minutos. Note que depois desses 10 minutos terá se formado um caldinho no fundo da vasilha ou bowl. Transfira tudo para uma panelinha de fundo grosso e deixe cozinhar em fogo baixo até que o jambo esteja molinho e tenha um pouco de caldinho ainda.


Observem o caldinho depois dos 10 minutos!



Pronto!

O rendimento dessa receita é muito mais do que você precisará usar na sobremesa, portanto reserve 3 col. sopa do doce para usar na sobremesa e o restante você pode conservar em um vidro esterilizado ou deixar na geladeira e ir comendo, assim puro mesmo, que é uma delícia.

Use o doce frio!


Creme de baunilha
Rende aprox. 750g 


4 gemas
150g de leite condensado
1 col. café de patê de baunilha ou raspas de tonka/cumaru
1 pitada de sal
20g de amido de milho
300ml de leite integral
200g de creme de leite uht

Coloque água para ferver para usar em banho maria. 

Em um bowl de metal ou vidro que resista ao calor, misture as gemas com o leite condensado, o patê de baunilha ou tonka, o sal e o amido de milho. Adicione um pouco do leite, misture e depois adicione o restante.

Achei essa foto fofa!
Leve para o banho maria e deixe que cozinhe em fogo médio sempre mexendo até engrossar. Depois diminua o fogo para "baixo" ou "bem baixo" e deixe cozinhar por mais 3 minutos e sempre mexendo. Retire o creme do fogo transfira para um outro bowl e junte o creme de leite. 


Distribua um pouco do creme em recipientes de vidro de seu gosto próprios para sobremesa e deixe esfriar. Cubra com um filme de PVC o restante do creme para não formar crosta de ressecamento.  Assim que o creme nos recipientes de sobremesa esfriar, faça uma covinha (mas não até o fundo) no centro e coloque um pouco de doce de jambo. Feito isso, então agora é só cobrir o doce com o que sobrou do creme de modo que o esconda.




 
Leve tudo ou todos para a geladeira e deixe lá por umas 6 horas para que fique bem geladinho e “firme”.
Para servir, é só cobrir a superfície do creme com um pouco de açúcar cristal ou demerara e maçaricar com aqueles maçaricos culinários bem legais que já se encontra com facilidade.

Essa é uma sobremesa simples, mas com um jeitinho de especial. Também é docinha, mas a acidez do jambo dá uma boa amenizada no dulçor do conjunto. Se não gostar de doce de jambo ou mesmo não achar a fruta para fazê-lo, então substitua por alguma geléia ou doce de sua preferência. Uma dica é que esse doce ou geléia seja um tanto (não muito) ácido/azedinho para poder harmonizar bem.

Eu particularmente adorei e meu filho Cadu ficou gamado. Todo hora pedia: mamãe sobremesa!

Espero que tenham gostado :)

Um forte abraço e uma ótima semana para vocês :)






Eis o texto que coloquei em meu mural no Face:

"Muitas vezes em minha vida consegui fazer algo legal e concretizar objetivos importantes.
Porém, grandes objetivos foram poucos e um deles foi o Doce Melange Atelier.
Me sinto muito feliz de ele ter existido e me trazido ótimos frutos e apredizagens que jamais irei esquecer.
O Doce Melange já não está mais funcionando, mas eu estou aqui e o blog Gourmet e Gourmand continuará com toda a certeza.
Agradeço a todos de coração por todo o carinho que recebemos durante esse tempo em que o Doce Melange esteve no mercado.
Claro que me sinto triste, mas foi uma decisão tomada conscientemente e necessária.
Não tínhamos um bom volume de encomendas e esse foi o príncipal motivo para o fechamento do Atelier.
Continuarei um pouco sumida, pois estarei em Julho me mudando. Estarei retornando à Suíça e lá recomeçarei a vida.
Estou passando por um processo intenso de repensar meus passos na vida e acredito que assim irei conseguir com tranquilidade e serenidade recomeçar :)
Desde já agradeço a todas pelas mensagens!
Um forte abraço :) ♥"